Menu

CDH do Senado realiza audiência pública para debater desmonte dos bancos públicos

03/08/18
CDH do Senado realiza audiência pública para debater desmonte dos bancos públicos

 

 

O debate contará com a participação de representantes dos trabalhadores dessas instituições, entre eles o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira

Por iniciativa da senadora Regina Sousa (PT/PI), a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado realiza na próxima quarta-feira (8), às 14h30, no Plenário 6, da Ala Senador Nilo Coelho, audiência pública para debater sobre o “Desmonte dos Bancos Públicos”. A Fenae será representada no evento pelo diretor-presidente, Jair Pedro Ferreira.

Vão participar também da mesa de debates Thiago Mitidieri, presidente da Associação Nacional dos Funcionários do BNDES; Rita Josina Feitosa da Silva, da Associação dos Funcionários do BNB; e Cleyton Morais, funcionário do Banco do Brasil e diretor do Sindicato dos Bancários de Brasília.

“Com a nossa batalha em diversas frentes, com ajuda das entidades representativas, centrais sindicais, parlamentares e sociedade, conseguimos barrar a privatização da Caixa tentada no Legislativo. Temos em mente, porém, que a nossa mobilização deve ser contínua para garantir a Caixa 100% pública. Debates, como este proposto pela senadora Regina Sousa, são fundamentais para mostrar a sociedade e aos parlamentares a importância para o desenvolvimento econômico e social do país, não só da Caixa, mas dos demais bancos públicos”, argumenta Jair Ferreira.

Para a senadora Regina Sousa, o governo Temer está promovendo um verdadeiro desmonte dos bancos públicos. “A consequência desta política é a falta de recursos para financiar o setor produtivo e a desativação das políticas públicas que garantem o desenvolvimento do país. Sem outro planejamento que não o próprio desmonte dessas instituições, a economia nacional é deixada ao sabor das crises e dos humores dos especuladores, gerando uma situação de grave dolo aos direitos humanos”, justificou a presidente da CDH, ao requerer a audiência.

  





Imprimir está pagina